Tuna dos Serviços Sociais do Município de Cantanhede cantou as janeiras no estaleiro da autarquia

A Tuna dos Serviços Sociais do Município de Cantanhede esteve no passado dia 31 de Janeiro no estaleiro municipal a cantar as janeiras. A iniciativa aconteceu ao fim da tarde, com o grupo de cantares constituído por funcionários da autarquia e da Inova-EM a cumprir mais uma vez a tradição, no âmbito de um encontro que contou com a presença da presidente da Câmara Municipal, Helena Teodósio, do presidente da Assembleia Municipal, João Moura, e dos vereadores Adérito Machado, Célia Simões e Luís Silva.

Numa das quadras o mote era a “Senhora Presidente” / Helena de sua graça / Primeira desta casa / A quem nada embaraça”, seguida de “Nos Serviços Sociais / Temos nós porto seguro / Confiança vos trazemos / Para projectos futuros”, terminando com um voto: “Seja um bom ano p’ra todos / É o que vimos desejar / A vós e aos colegas / Vos saudamos a cantar”.

Como habitualmente, o cantar das janeiras decorreu em ambiente de confraternização à volta da mesa, num lanche partilhado. Na ocasião, a líder do executivo camarário agradeceu “esta iniciativa dos Serviços Sociais que nos dá oportunidade para nos juntarmos e convivermos um pouco” e enalteceu “a atividade da Tuna dos Serviços Sociais pelo modo como tem representado e dignificado a instituição”.

O cantar das janeiras pela Tuna dos Serviços Sociais encerrou o período dedicado a esta tradição que este ano foi assinalada na Câmara Municipal mais três vezes: a primeira delas foi a 8 de Janeiro, por cerca de 350 alunos das valências de jardim-de-infância e do primeiro ciclo de ensino básico do Centro Escolar de Cantanhede, a que se seguiu o Coro Vox Caeli (12 de Janeiro) e um grupo de mais de 30 pessoas envolvidas no programa de animação social “Tardes Comunitárias” (17 de Janeiro).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *