Tocha bem acesa no coração da Gândara

Localizada no concelho de Cantanhede e em pleno coração da Gândara, há uma freguesia que se destaca pelas suas tradições e costumes: a Tocha.

Com mais de 78 km2 de área, esta é a maior freguesia do concelho e também uma das que mais movimenta visitantes de todo o país, principalmente pela sua praia, de areal extenso e mar azul. “O nosso cartão-de-visita é, sem dúvida alguma, a Praia da Tocha, que é a menina dos nossos olhos”, refere Fernando Pais Alves, Presidente da Junta de Freguesia desde 2013.

Praia da Tocha3

Em entrevista ao AuriNegra, o executivo da JF da Tocha – composto ainda por José Manuel Cebola (tesoureiro), Antero Paiva (secretário) e Mário Andrade (da Assembleia) – explicou-nos o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido na freguesia neste últimos dois anos.

“O nosso trabalho tem sido de continuidade, ainda que tenhamos uma forma de gestão diferente das dos executivos anteriores”, refere José Cebola, acrescentando que o investimento tem sido essencialmente “em pequenas mas importantes obras, como a construção de passeios, arranjos de vias…Ou seja, trabalhos de melhoramento, que são para continuar no futuro”.

Segundo Fernando Pais Alves, o objectivo do executivo é “apostar numa política de proximidade. Escutar o povo, para que as pessoas expressem as suas necessidades. E aquilo que prometemos temos a certeza que vamos cumprir”.

Embora a agricultura ainda seja a actividade predominante na zona, a aposta na indústria tem vindo a aumentar a olhos vistos.

Zona Industrial

“Temos uma zona industrial com mais de cem hectares e, felizmente, temos conseguido atrair várias empresas para aqui”, explica-nos Antero Paiva, referindo, como exemplo, uma empresa belga, da área do tratamento de resíduos florestais, que se vai instalar em breve na Tocha.

De acordo com Fernando Pais Alves, “na freguesia não temos carência de emprego, pois ainda temos aqui diversas empresas, entidades e associações que empregam muita gente como, por exemplo, o Hospital Rovisco Pais, a APPACDM e a Associação ProVida”.

 

O associativismo é outra das marcas fortes da freguesia. “Existem muitas associações – culturais, gastronómicas e desportivas – e que a JF faz questão de apoiar, através dos subsídios mas também de protocolos.

Tentamos dar apoio sempre que nos é pedido”, destaca, para acrescentar que, nesse sentido, são também promovidas, pela JF, aulas de ginástica sénior gratuitas e aulas de natação na piscina de Cantanhede.

“A nossa aposta é nas pessoas e por isso não as deixamos estar paradas”, afirma, com um sorriso, Fernando Pais Alves.

Falar da Tocha é também falar da feira semanal (que acontece aos domingos), dos tradicionais palheiros de madeira à beira mar plantados, da arte xávega – ainda bem viva na região – e de festa…Muita festa. “Nós gandareses somos um povo de trabalho e lutador, que normalmente consegue alcançar aquilo a que se propõe, mas que também gosta de boa comida, de música e festa”, refere Fernando Pais Alves.

Igreja Tocha

Com a chegada do Verão, vêm também vários eventos como os festejos de S. João (que acontecem até
domingo, dia 26 de Junho) ou o Festival da Sardinha Assada na Telha e da Batata Assada na Areia (em Agosto).

Este ano, a freguesia assinala os 31 anos da elevação da Tocha a vila com três dias de celebrações (7, 8 e 9 de Julho), que incluem cerimónias religiosas, concertos, tasquinhas de comes e bebes, mostra de artesanato e a abertura oficial do Folk Cantanhede (9 de Julho) que, pela primeira vez, se realiza fora da sede do concelho.

Dados
Lugares: Andrades, Barrins de Baixo e Barrins de Cima, Berlengas, Bracial, Cadaval, Caetanas e Caniceira, Casal do João, Catarinões, Cochadas, Escoural, Fonte Martel, Fonte Quente, Inácios, Lagoa dos Bois, Morros, Pereirões, Povoeiras, Praia da Tocha, Queixada da Raposa de Baixo e Queixada da Raposa
de Cima e Tocha

Património edificado: Igreja Matriz da Tocha, Capela da Caniceira,
Capela da Praia da Tocha, Capela das Cochadas

Habitantes: Cerca de 4000 habitantes

Área: 78,44 km²

 

Autor: Carolina Leitão