The Cranberries são cabeça-de-cartaz da Expofacic

Está confirmado. The Cranberries são os cabeça de cartaz da Expofacic (27 de Julho a 6 de Agosto).

A banda irlandesa sobe ao palco do certame no dia 3 de Agosto, a culminar a agenda de uma tournée europeia que inclui actuações em Berlim, Paris, Bruxelas, Amesterdão, Londres, Milão e Madrid, entre outras grandes cidades.

De acordo com a Comissão Organizadora, “a avaliar pela força mobilizadora que o grupo tem evidenciado, o concerto de Cantanhede deixa antever uma assistência sem precedentes na Expofacic, tanto mais que a sua sonoridade bem distintiva no panorama da música internacional tem em Portugal uma imensa legião de fiéis seguidores”.

Formada em Limerick, Irlanda, em 1990, os The Cranberries são formados pela vocalista Dolores O’Riordan, o guitarrista Noel Hogan, o baixista Mike Hogan e o baterista Fergal Lawler. Embora amplamente associado com o rock alternativo, o som da banda também incorpora indie pop, post-punk, folk e elementos de dream pop.

Os Cranberries ganharam fama nos anos 90 com seu álbum de estreia, Everybody Else Is Doing It, So Why Can’t We?, que se tornou um sucesso comercial após ganhar a atenção dos media nos Estados Unidos da América.

Foi uma das bandas de rock mais bem sucedidas dos anos 90 e vendeu mais de 40 milhões de álbuns em todo o mundo.

No início de 2010, e após um hiato de seis anos, os The Cranberries voltaram a reunir-se e começaram um tournée nos Estados Unidos da América, que se estendeu pela América Latina e pela Europa. Em Abril e Maio de 2011, a banda gravou o seu sexto álbum de estúdio, Roses, que foi lançado em Fevereiro de 2012.

Os The Cranberries regressaram às actuações ao vivo em 2016, tendo esgotado concertos na Europa e América do Sul. No Verão de 2017, a banda estará na estrada com uma tournée de GreatHits muito especial, que passará por Cantanhede.

Entre os hits da banda estão temas como “Linger”, “Dreams” e “Zombie”.

 

AGIR, Áurea, Diego Miranda, KURA, Jimmy P e Virgul também confirmados no cartaz

Além da contratação dos The Cranberries, a comissão organizadora da Expofacic já fechou o cartaz para a noite seguinte à da actuação da banda irlandesa e também para 28 de Julho.

A 4 de Agosto, o palco principal estará por conta de três grandes nomes

nacionais: : AGIR, o autor de “Parte-me o Pescoço”, faz a sua estreia na Expofacic, apresentando-se com os argumentos artísticos com que venceu o prémio “Best Portuguese Act”, dos “MTV Europe Music Awards 2015”; Áurea, também vencedora de duas edições do “Best Portuguese Act” do “MTV Europe Music Awards” e de um Globo de Ouro regressa ao certame para um concerto que deverá incluir os maiores êxitos da carreira e temas da sua última produção discográfica; finalmente, o programa de 4 de Agosto encerra com Diego Miranda, um dos mais influentes produtores e DJ’s portugueses.

Alguns dias antes, a 28 de Julho, a noite será inteiramente dedicada à música de dança, com a actuação de Kura, DJ e produtor que tem vindo a adquirir também significativa projecção internacional, r cujo concerto culminará a actuação de dois outros nomes em crescente afirmação artística: Virgul, um dos fundadores dos Da Weasel que há algum tempo se estreou a solo e Jimmy P, criativo autor de fusão com influênci

as do hip-hop, reggae, R&B, soul e funk.

Recorde-se que, além destes nomes, haviam já sido anunciados para o cartaz da Expofacic os Dama, Richie Campbell, Mariza, Cuca Roseta, Dengaz e Karetus.