Rota das Adegas está de volta

Dia 30 de Abril realiza-se mais uma edição da Rota das Adegas Marquês de Marialva, um passeio de  ciclismo, organizado pela Urva Bike Team, e que visa aliar a promoção da actividade física ao degustar dos sabores que a região da Bairrada tem para oferecer, nomeadamente os vinhos e o famoso leitão.

“A Rota das Adegas é, acima de tudo, uma viagem pela Bairrada, numa corrida das mais exclusivas do Mundo, onde todos chegam em primeiro lugar e ninguém perde”, referiu Rui Sebastião, presidente da Urva, na apresentação oficial do evento, destacando os jerseys oficiais da prova, de cor amarela: “Que irão fazer desta a prova de ciclismo com o maior número de camisolas amarelas do País”.

Este ano, como habitualmente, o passeio conta com uma extensão de 50 quilómetros e vai ter início no Parque da Cidade de Cantanhede, pelas 9h00, onde os participantes serão presenteados com um primeiro lanche, oferecido pela União das Freguesias de Cantanhede e Pocariça, e que contará com a animação do Grupo de Bombos “Só Pedra”.

De seguida, o passeio continua pelos vários caminhos, marcados nos vinhedos e zonas rurais e nos já famosos trilhos do Sarilho. Durante a manhã serão ainda feitas três paragens para abastecimento e degustação dos melhores sabores e néctares da região: uma primeira no Parque de Merendas da Pena, com o apoio da União das Freguesias de Portunhos e Outil; uma segunda em Ançã, onde a Junta de Freguesia local oferece um pequeno lanche, e onde não faltará o tradicional bolo de Ançã; e a terceira no “Parque do Sarilho”, onde atletas e acompanhantes poderão provar os néctares das quatro adegas/caves parceiras do evento, enquanto desfrutam da música do grupo “Amigos da Rambóia”.

Finalizado o percurso, será altura de rumar à Adega Cooperativa de Cantanhede, para recuperar baterias e provar o tradicional leitão à Bairrada, acompanhado pelos melhores espumantes da casa.

Uma prova para todos

Com um percurso de dificuldade média e várias paragens programadas, a Rota das Adegas é um evento para ciclistas de todas as idades.

“É um passeio para todos. Prova disso é que temos atletas de Norte a Sul do País, tendo o mais novo 14 anos e o mais velho 80”, partilhou Rui Sebastião.

O sucesso da Rota das Adegas mantém-se de ano para ano e, mais uma vez, não foram precisas mais de 48 horas para esgotar as 350 inscrições.

“As edições anteriores têm sido coroadas com um enorme sucesso (embora, por vezes, o São Pedro não ajude), e esse sucesso é-nos dado pelo feedback que recebemos nas redes socias, em fóruns ligados ao ciclismo, na nossa página web, na comunicação social e por todos os participantes que já tiveram o prazer de estar connosco”, frisou.

Também presente na apresentação do evento, Helena Teodósio, vice-presidente da Câmara Municipal de Cantanhede realçou que a Rota das Adegas “acaba por ser uma óptima forma para promover o concelho. Com os participantes vêm também familiares e amigos que passam a conhecer o melhor que Cantanhede tem para lhes oferecer – a nível desportivo, enológico e gastronómico –, e que, por isso, acabam por voltar”.