Reis do Carnaval da Mealhada plantam árvores no Bussaco

Os reis do Carnaval Luso-Brasileiro da Bairrada – o actor brasileiro Vítor Hugo e a actriz e ex-modelo portuguesa Raquel Loureiro – plantaram duas árvores ontem, domingo 11 de Fevereiro, na Mata Nacional do Bussaco (MNB), a floresta pública do concelho da Mealhada que é Monumento Nacional candidato a Património Mundial da UNESCO.

“Estou muito emocionado com esta oportunidade que me deram a mim, aos meus filhos e à minha mulher de deixar uma marca tão importante e especial numa Mata tão bonita e mágica. Quero regressar mais vezes ao Bussaco e em particular ao Vale dos Abetos para visitar o abeto (Abies sp.) que foi aqui plantado por mim, junto a um majestoso palácio, que carrega uma história tão importante para Portugal”, afirmou, no final da plantação, Vítor Hugo, actor, empresário do ramo cultural, filósofo e diretor artístico.

Já a actriz Raquel Loureiro, que plantou um loureiro (Laurus nobilis), não escondeu a emoção: “estou tão, tão feliz que nem calculam. Já tenho um livro quase escrito, que é a biografia do meu pai, o [falecido] maestro José Duarte Loureiro. Hoje, plantei a minha primeira árvore e ainda por cima um loureiro, que é da minha ‘família’. Agora, só me falta mesmo ter um filho!”. 

O presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Rui Marqueiro, que fez questão de assistir às plantações, salientou a importância da presença no Bussaco dos reis do Carnaval Luso-Brasileiro da Bairrada para ajudar a Mata a atingir o seu objectivo de ser reconhecida pela UNESCO: “Vitor Hugo é um dos mais respeitados actores brasileiros da sua geração, indicado e laureado nas mais diversas e importantes áreas artísticas, desde o teatro à televisão. Já Raquel Loureiro é uma portuguesa que dispensa apresentações. É uma atriz, ex-modelo, Dj e empresária muito querida dos portugueses, cuja presença prestigia o Bussaco e ajuda a levar mais longe o nome da nossa Mata”.

O presidente da Fundação Mata do Bussaco (FMB), António Gravato, subscreve as palavras do autarca e acrescenta: “é uma honra para nós contar com a presença de um actor brasileiro tão ilustre, que conta com uma consistente formação teatral, que produziu e dirigiu mais de uma dezena de espectáculos teatrais,

foi laureado aos 15 anos de idade como Melhor Ator Revelação no Prémio Coca Cola de Teatro e indicado ao Prémio Shell de Teatro (o mais importante da categoria teatral). Da mesma forma que é um orgulho receber uma atriz portuguesa tão querida e que se prontificou a abraçar a nossa causa e apoiar a nossa candidatura a Património Mundial da UNESCO”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *