Município de Cantanhede colabora na Promoção da Alimentação Saudável

O Município de Cantanhede é um dos parceiros envolvidos na operacionalização na Estratégia Integrada para a Promoção da Alimentação Saudável e Promoção da Actividade Física, através da participação em vários projectos que nesse âmbito vão ser implementados pela Administração Regional de Saúde do Centro, I.P.

O protocolo de cooperação que estabelece essa participação foi assinado esta segunda-feira, 4 de Junho, pela presidente da Câmara Municipal, Helena Teodósio, pela Directora-Geral da Saúde, Graça Freitas, e pela presidente da Administração Regional de Saúde do Centro, Rosa Reis Marques, no decurso de uma sessão que decorreu na sede da Cruz Vermelha Portuguesa, em Lisboa, com a presença do Ministro da saúde, Adalberto Campos Ferreira, e do Director-Geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus.

No âmbito do acordo, a autarquia cantanhedense vai colaborar na implementação da intervenção multissetorial a realizar “com o objectivo de modificar a oferta alimentar de determinados alimentos, em particular os que apresentam elevado teor de açúcar, sal e gordura, incentivar acções de reformulação nutricional dos produtos alimentares e capacitar os cidadãos e profissionais que trabalham ou influenciam o consumo de alimentos para as escolhas alimentares saudáveis”.

Promover a equidade em saúde, criando condições de maior acessibilidade a alimentos essenciais e saudáveis, informar e capacitar, através de acções de formação para profissionais dos serviços de alimentação da autarquia e das IPSS do concelho, e implementar projectos de luta contra a obesidade que venham a ser considerados como os mais adequados para a população do município são algumas das medidas preconizadas no programa. Neste consta ainda o desenvolvimento da literacia em saúde, com campanhas sobre os factores de risco alimentar, promoção da alimentação saudável e actividade física, incluindo o incentivo à adopção de boas práticas alimentares nas escolas com base no Programa Nacional de Promoção de Alimentação Saudável, em articulação com a Direcção Geral da Educação, nomeadamente com o projeto “lanches.come” da Administração Regional de Saúde do Centro.

O protocolo incide também na promoção da prática de actividade física, de acordo com o Plano de Acção Nacional para a Actividade Física, através da implementação dos projectos “salta.acorda”, “Crescer káfora” e “Escola de Verão” nas escolas do primeiro ciclo.