Município de Cantanhede apresentou na BTL o “Roteiro de Inês de Castro”

O Município de Cantanhede esteve de novo representado na BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, este ano no pavilhão da Comunidade Intermunicipal Região de Coimbra (CIM RC). Foi no dia 15 de Março que a Câmara Municipal levou ao maior certame turístico que se realiza em Portugal acções em torno do “Roteiro de Inês de Castro em Cantanhede”, no âmbito da activação do produto “Mulheres e os Lugares da Região de Coimbra”, que a CIM está a promover.

O programa da representação da autarquia cantanhedense centrou-se no conceito “Paixão D’ Inês”, tendo como referência o que consta na “Chronica de El-Rei D. Pedro I”, de Fernão Lopes, segundo a qual, em julho de 1360, quando se cumpriam já quatro anos do reinado do monarca, este declarou publicamente em Cantanhede ter desposado Inês de Castro.

Segundo a presidente da Câmara Municipal, Helena Teodósio, “a autarquia está muito empenhada em explorar do ponto de vista turístico todo o potencial do conceito, dinamizando-o como um bom pretexto para visitar Cantanhede e relacionando-o com outros motivos de interesse que vão do património à gastronomia e ao enoturismo, passando pela animação cultural, entre outros”.

A autarca adiantou que “para o efeito estão já a ser mobilizados os agentes económicos do sector, além de outras entidades que de algum modo possam ajudar a consolidar este produto turístico”, agradecendo “a todos os que colaboraram com a Câmara Municipal para apresentar na BTL uma pequena mostra sugestiva da sua activação. A todos o meu muito obrigada, designadamente à artista plástica Daniela Marquês, que pintou um painel de azulejo representativo do amor de D. Pedro por Inês de Castro, à Companhia de Teatro Bombarda, que apresentou uma encenação em torno dessas figuras históricas, à Adega Cooperativa de Cantanhede, que se associou ao projecto com o lançamento do espumante Paixão D’Inês, bem como ao restaurante Júlia Duarte, que também colaborou nesta acção”.

Quem não faltou à apresentação do “Roteiro de Inês de Castro em Cantanhede” foi o presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal, que na ocasião enalteceu “o projecto que a Câmara Municipal está a desenvolver para tirar partido da declaração de D. Pedro em Cantanhede. Trata-se de um elemento de força para a ligação do município a uma das historias mais apaixonantes do país”, afirmou aquele responsável, com um desafio aos agentes económicos no sentido de “aproveitarem esta oportunidade para diferenciarem os seus serviços com novas experiências, neste caso a propósito de D. Pedro e Inês de Castro”. Para Pedro Machado, “este é o caminho, a aposta na valorização dos recursos imateriais existentes no território, como as narrativas históricas à volta de personalidades com elas relacionadas”.

Acompanharam Helena Teodósio na visita à BTL o presidente da Assembleia Municipal, João Moura, o vice-presidente da autarquia, Pedro Cardoso, os vereadores Adérito Machado e Gonçalo Magalhães, o presidente do Conselho de Administração da INOVA-EM, Idalécio Oliveira, bem como os presidentes de junta de Cantanhede e Pocariça, Ançã, Tocha e Vilamar e Corticeiro de Cima, respectivamente Aidil Machado, Cláudio Cardoso, Fernando Pais Alves e Egídio Patrão. Além destes, integraram a comitiva Luís Roque, presidente da Associação Empresarial de Cantanhede, Sara Brado e Carlos Negrão, estes na qualidade de membros da Comissão de Honra da Expofacic, o tesoureiro da Junta de Freguesia de Febres, Carlos Vinhas, e vários técnicos da Câmara Municipal e da INOVA-EM.