Município de Cantanhede acolheu a “Chama da Solidariedade”

“Chama da Solidariedade”. É assim se designa a iniciativa que percorreu o distrito de Coimbra e que o Município de Cantanhede acolheu no passado dia 28 de Setembro no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

A actividade esteve integrada na Festa da Solidariedade da UIPSS (União das Instituições Particulares de Solidariedade Social) do distrito de Coimbra e contou com a presença de inúmeros convidados, com especial destaque para a presença da Vice-Presidente da Câmara Municipal de Cantanhede, Helena Teodósio, do Vereador, Pedro Cardoso, de vários dirigentes das IPSS concelhias, dos representantes da CNIS (Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade) e da UIPSS, entre muitos outros convidados.

Um dos momentos altos da cerimónia foi a actuação da Tuna dos Serviços Sociais dos Trabalhadores do Município de Cantanhede, que, através da sua harmoniosa música a todos animou.

A “Chama da Solidariedade” é uma iniciativa da CNIS, em parceria com a UIPSS – Coimbra, que tem como principal objectivo promover a Festa da Solidariedade, permitindo dessa forma o envolvimento dos seus utentes, colaboradores e população em geral.

No seu périplo a chama passou pelos concelhos de Condeixa, Miranda do Corvo, Lousã, Góis, Arganil, Oliveira do Hospital, Tábua, Penacova, Soure, Montemor-o-Velho, Mira e Figueira da Foz.

Equipamentos Sociais

De acordo com os dados da Segurança Social, no ano de 2011, o concelho de Cantanhede apresentava 25 equipamentos sociais, intervindo nas seguintes áreas: Infância e juventude (Creche, Pré-Escolar, CATL e Lar de Infância e Juventude), Área dos Idosos (Estrutura Residencial Para Idosos, Centro de Dia, Serviço de Apoio Domiciliário e Centro de Convívio) e na Área da Reabilitação/Incapacidade (Centro de Atividades Ocupacionais e Lar Residencial).

O tecido institucional do concelho de Cantanhede, na área da Infância e Juventude, dispunha de uma capacidade para 2020 crianças e jovens, tendo no entanto acordos de cooperação com a Segurança Social para 1689.

No ano de 2011 a União das freguesias de Cantanhede e Pocariça apresentava uma capacidade de resposta para 545 e acordo para 505 na área da Infância e Juventude (representando cerca de 27% da totalidade da capacidade concelhia)