Mini Exposição de Insectos na Praia de Mira

Entre os dias 9 e 23 de Junho estará patente, no Museu Etnográfico e Posto de Turismo da Praia de Mira, uma exposição sobre a diversidade de insectos da fauna europeia, onde será proposto um jogo-de-pista acessível a todas as idades, que desafiará os visitantes a serem «biólogos por uma hora». 

Inserida nas Acções de Educação Ambiental da Bandeira Azul 2018, esta exposição inclui exemplares de colecções biológicas pertencentes a mais de 50 espécies de insectos. Cada visitante recebe à entrada da exposição um insecto conservado em resina. O objectivo é identificar a ordem do insecto (borboletas, libélulas, besouros, gafanhotos, etc.) e conhecer as suas características. Para o conseguir fazer, os visitantes utilizam uma chave de identificação dicotómica, construída no espaço expositivo.

A área expositiva assemelha-se a um grande labirinto, onde é preciso ir fazendo escolhas até chegar à identificação final. O labirinto é constituído por caminhos que ligam as mesas de identificação aos módulos das 14 maiores ordens de insectos. No final, é possível conhecer as características de cada ordem, o nome específico do inseto e outras curiosidades sobre o grupo.

Da autoria e produção da Universidade de Lisboa – Museu Nacional de História Natural e da Ciência, Tagis – Centro de Conservação das Borboletas de Portugal e da cE3c – Center for Ecology, Evolution and Environmental Chenges, o conceito expositivo inovador da mostra foi reconhecido internacionalmente e, pela primeira vez, uma exposição científica desenvolvida e produzida em Portugal foi alvo de uma crítica numa prestigiada revista científica (Science Magazine, Out. de 2010).