Mais de 350 utentes das IPSS da Mealhada reviveram o entrudo numa tarde de alegria

Cerca de 350 utentes das valências da 3.ª idade e deficiência das Instituições Particulares e Solidariedade Social do Município reviveram o Entrudo numa tarde de brincadeira e festa, no Pavilhão Multiusos da Associação Desportiva Cultural e Recreativa de Antes (ADCRA).

Uns escolheram como tema as profissões, outros os típicos mariachis mexicanos, uns optaram pelo mundo da abelha maia, outros pelo mundo da magia. Foram diversas as fantasias que 350 utentes das IPSS que compõem a Rede Social da Mealhada  escolheram para se divertirem e celebrarem o Entrudo. Dançaram, cantaram e conviveram numa matiné que incluiu o lanche, oferecido pela Autarquia, em parceria com a EPVL.

Este carnaval institucional, que se realiza anualmente, é da responsabilidade do Serviço de Acção Social da Câmara Municipal da Mealhada, no âmbito da Rede Social, e visa fomentar o convívio interinstitucional.

Participaram dez IPSS do concelho, nomeadamente a Associação Desportiva Cultural e Recreativa de Antes, o Centro Social Comendador Melo Pimenta, o Jardim de Infância Drª Odete Isabel, a Santa Casa da Misericórdia da Mealhada, a APPACDM de Anadia – Centro Santo Amaro, o Centro de Assistência Paroquial da Pampilhosa, a Casa do Povo da Vacariça, o Centro Social da Freguesia de Casal Comba, o Centro Paroquial de Solidariedade Social de Ventosa do Bairro e a CADES, que deu início à festa com a Tuna da Universidade Sénior.

A iniciativa contou com o apoio da Sociedade de Água de Luso, dos Bombeiros Voluntários da Mealhada e da Pampilhosa, da Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação Mealhada, da Guarda Nacional Republicana da Mealhada e da Escola Profissional Vasconcellos Lebre.