Fim-de-semana de conquistas para Portugal

O dia 10 de Julho vai ficar para sempre na história de Portugal e do desporto nacional. O dia foi de conquistas para os atletas portugueses, quer do futebol quer do atletismo.

As boas notícias começaram ainda na sexta-feira, com o segundo lugar de Dulce Félix no Campeonato da Europa de Atletismo ao ar livre, em Amesterdão. Os resultados continuaram no domingo, com Portugal a fechar o dia com a participação mais bem-sucedida de sempre em Europeus de atletismo, com um total de seis medalhas, três delas de ouro, uma de prata e duas de bronze.

13612367_1196569527044458_2153499831387399829_n

Em Amesterdão, o dia começou com Portugal campeão europeu da meia-maratona feminina. E a dobrar; uma vez que Sara Moreira cortou a meta em primeiro lugar com o tempo de 1:10.19 horas e 16 segundos de vantagem sobre a italiana Veronica Inglese. Na mesma prova, Jéssica Augusto foi terceira classificada, tendo Portugal vencido coletivamente a prova da Taça da Europa feminina, contando para tal também com o 12.º lugar de Dulce Félix.

Patrícia Mamona conquistou a medalha de ouro no triplo salto e estabeleceu um novo recorde de Portugal (14.58). Mas a medalha mais surpreendente acabou por ser a de Tsanko Arnaudov, que conquistou o bronze no lançamento do peso. O atleta de origem búlgara conseguiu o melhor arremesso, com a marca de 20,59 metros.

Noite de conquistas

A noite de domingo não podia ter encerrado de melhor forma. Pela primeira vez a Selecção Nacional sagrou-se Campeã Europeia, ao vencer por 1-0 a selecção de França, levando ao rubro 11 milhões de portugueses

Com um golo de Éder e sem o capitão Cristiano Ronaldo, a formação de Fernando Santos conquistou o troféu e cumpriu um sonho.

Após o apito final, a festa fez-se por todo o país mas também pelas várias comunidades portugueses espalhadas pelo mundo. Aqui ficam algumas imagens desses festejos enviadas por emigrantes febreenses ao AuriNegra.