Exploratório inaugura nova exposição de fotografia “Masala – meus olhos na Índia”

Da autoria do fotógrafo português Carlos Teles, “Masala – meus olhos na Índia” é o nome da nova exposição de fotografia que, entre Maio e Setembro de 2017, vai estar patente na Science Photo Gallery do Exploratório. A inauguração acontece na próxima quarta-feira, 31 de Maio, pelas 18h30, com entrada livre.

“Masala – meus olhos na Índia” reúne um conjunto de imagens resultantes da viagem do autor Carlos Teles a Anantapur, na Índia, no âmbito de um projecto de solidariedade social promovido pela Fundação Vicente Ferrer. O fotógrafo português retratou os rostos e o quotidiano de crianças daquela cidade. Numa segunda parte da viagem, Carlos Teles contactou e registou o quotidiano de outras localidades e percursos pouco turísticos.  A mostra de fotografias a expor “apenas revela um pouco do que foi viver a Índia”, adiantou Carlos Teles.

Esta é a terceira mostra de fotografias da Science Photo Gallery, um espaço de cerca de 100 metros que alberga exposições temporárias de fotografia relacionadas com a ciência e a tecnologia. “Já tivemos exposições de natureza, que retratavam a biodiversidade nacional e internacional. Desta vez as imagens mostram uma componente mais humana e social. São fotografias muito belas que nos fazem viajar até destinos longínquos e que nos mostram uma realidade diferente da nossa, além disso, são imagens de um fotografo português, o que vem consolidar a política do Exploratório de apostar em exposições de diferentes origens e de grande qualidade, onde se incluem mostras nacionais”, revelou a direção do Exploratório.

Além de fotografias, esta exposição conta ainda com um painel sensorial dedicado às especiarias. Através dos cheiros, dos sabores e das cores, é possível conhecer uma outra dimensão da Índia, que complementa as imagens da exposição.

A inauguração da exposição da Science Photo Gallery “Masala – meus olhos na Índia” está agendada para as 18h30 de quarta-feira, 31 de maio. A partir daí o público pode visitar a exposição gratuitamente até ao final de setembro de 2017, durante o horário de funcionamento do Exploratório, de terça a sexta-feira, das 09h30 às 17h30 e aos sábados, domingos e feriados das 10h00 às 18h00.