Duas detidas por furto a residência em Febres

Militares do Núcleo de Investigação Criminal de Cantanhede da Guarda Nacional Republicana detiveram duas mulheres, de 31 e 69 anos, pelo crime de furto em interior de residência, numa operação realizada entre os dias 7 e 13 de Janeiro, no concelho de Anadia.

Do furto ocorrido, no passado dia 7 de Janeiro, em Febres, no concelho de Cantanhede, foi subtraída uma carteira contendo documentos, bem como um cartão de crédito e um cartão de débito.

A GNR apurou que as autoras do crime, já com antecedentes criminais, haviam gasto cerca de 25.500 euros, das contas bancárias, em diversos artigos, nomeadamente 18 mil euros num automóvel, 3 mil euros em peças de ouro, mil euros em diversa roupa e calçado, mil euros em telemóveis e acessórios informáticos, 500 euros em artigos diversos e já haviam procedido ao levantamento de cerca de mil euros em notas de algumas caixas multibanco.

Os bens recuperados vão ser entregues à proprietária de onde foi subtraído o dinheiro. As detidas ficaram sujeitas a termo de identidade e residência.