Donativos para Corporações de Bombeiros da Mealhada e da Pampilhosa totalizam 17.070 Euros

A Câmara Municipal da Mealhada entregou, no dia 31 de Agosto, 17.070 euros às duas corporações de bombeiros do concelho, Mealhada e Pampilhosa, que resultam dos donativos recolhidos juntos de empresas, instituições e munícipes.

Cada uma das corporações recebeu 8.535 euros em donativos que a autarquia recolheu sob o mote do Troféu de Solidariedade. O jogo realizou-se na passada semana, no Estádio Municipal Dr. Américo Couto, e colocou em campo o Futebol Clube da Pampilhosa contra uma seleção de jogadores oriundos de diversas equipas do concelho da Mealhada, nomeadamente do Clube Desportivo do Luso, do Centro Recreativo de Antes, do Grupo Desportivo da Mealhada e do Sport Clube Carqueijo.

A manifestação de solidariedade traduziu-se no donativo de 5 euros para assistir a esta partida, cujo resultado foi de 6-0, muito embora este fosse o dado de menor importância.

A generosidade dos mealhadenses, que já se havia feito sentir aquando dos incêndios que assolaram o concelho no passado dia 10 de Agosto, voltou a ser evidente, conseguindo-se a quantia de 17.070 euros. Muitas foram as pessoas que contribuíram com 5 euros, muitas foram as empresas que contribuíram com 250 euros ou quantias ainda mais elevadas. O importante não é o valor de cada um, mas a união que ficou, de novo, evidenciada.

Em comunicado, a Câmara Municipal da Mealhada agradece a todos os que apoiaram a iniciativa. “Aos clubes e jogadores, à Delegação da Mealhada da Cruz Vermelha Portuguesa, aos presidentes de Junta de Freguesia que, mais uma vez, demonstraram a sua capacidade de mobilização, aos comerciantes que disponibilizaram os bilhetes nos seus estabelecimentos, às empresas e a todos os cidadãos que contribuíram para este resultado que superou as melhores expectativas da autarquia”.

“Não podemos deixar de agradecer a todas estas pessoas pela forma como, juntos, ultrapassámos um momento difícil para o Município”, afirmou Rui Marqueiro, presidente da Câmara da Mealhada, repetindo também o agradecimento feito anteriormente aos bombeiros do município e de todo o país que estiveram na Mealhada.

Nuno Canilho, presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Mealhada, repetiu os agradecimentos, garantindo que a verba angariada será para a compra de uma viatura de combate a incêndios. “Esta quantia é absolutamente fantástica para uma associação como a nossa. Estes dias 10, 11 e 12 de Agosto ficaram na história como dias negros, mas também como dias em de que, de uma forma até comovente, ficou demonstrada a ligação que existe entre os cidadãos e as corporações.”

Também Rogério Silva, presidente da Direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Pampilhosa, sublinhou que “é nestas situações que se vê a solidariedade e que, quando foram precisas, as pessoas, os órgãos, as empresas apareceram”.