“Disputar todo e qualquer jogo, em casa ou fora, para ganhar”

Depois de uma época com muitos altos e baixos, o Febres Sport Club (FSC) entra, no final de Setembro, na época 2016/2017 com o objectivo de dar continuidade ao plantel e disputar todos os jogos com o intuito de vencer.

Patrício Duarte, treinador da equipa sénior e da equipa de benjamins (2006) do FSC faz o balanço da última época: “A época passada foi muito atribulada. Houve coisas que funcionaram bem e outras que nem tanto. Desde a pré-época em que não nos foi possível treinar em nossa casa passando pela saída de alguns jogadores do plantel pelas mais diversas razões, tudo contribuiu para uma época aquém das expectativas. Apesar de tudo isto, disputamos a meia-final da Taça da Associação de Futebol de Coimbra e terminamos em 9.º lugar na tabela classificativa”.

A continuidade do plantel foi um objectivo para a equipa técnica e direcção do clube que vêem no futebol de formação o futuro do FSC. “Mantivemos grande parte do plantel da época passada apostando no desenvolvimento individual e colectivo dos nossos jogadores. Vamos integrar três ex-juniores da casa e reforçamos a equipa com quatro jogadores de fora”, conta Patrício Duarte.

Na época passada o FSC apostou na concretização de um projecto já com alguns anos: ter uma equipa de juniores. “Há seis anos que o FSC não tinha equipa de juniores e na época passada foi um objectivo concretizado. Era fundamental para o clube voltar a contar com este escalão e conseguir ver já esta época atletas da nossa formação subirem ao escalão de seniores com condições para integrar o plantel. É um orgulho saber que contribuímos não só para o desenvolvimento desportivo dos nossos jogadores como, também, para o desenvolvimento de cada um enquanto pessoas. A formação também é isso!”, refere o vice-presidente do clube Bruno Jean Barreira.

Ainda sobre o escalão de juniores, Patrício Duarte diz que “a época passada foi de mudança. A equipa de juniores teve um percurso muito interessante, com muito de trabalho e dedicação de todos. São jogadores da terra que sempre mostraram muita vontade em representar o clube, foram importantes no plantel júnior, fizeram bons jogos e penso que serão igualmente importantes esta época. Há outros jogadores ainda juniores que reúnem todas as condições para seguir o mesmo caminho. Acredito que eles serão tão importantes nos seniores como foram nos juniores”.

Gonçalo Gaspar, elemento da direcção do FSC, destaca a evolução do futebol de formação auri-negro: “Para esta época que se inicia teremos mais de 100 crianças e jovens inscritos pelo clube, o que representa mais do dobro dos atletas de formação em relação à época de 2014/2015. Com seis escalões e oito equipas queremos continuar a educar e formar todos os atletas que representam o clube. Tencionamos, também, fazer mais e melhor tendo como prioridade o bem-estar das nossas crianças e jovens, continuar a promover o futebol de formação, a freguesia e o concelho.”

Questionado sobre os objectivos para a época desportiva, o técnico principal da equipa de seniores refere: “Pretendemos disputar todo e qualquer jogo, em casa ou fora, para ganhar. Há várias equipas a apostar muito na Divisão de Honra, com condições que o Febres SC não consegue igualar, o que torna difícil assumirmo-nos como candidatos ao título. A nossa equipa é muito jovem, não está no pico da maturidade, o que não nos permite avaliar, para já, as reais possibilidades da equipa ao nível competitivo. Na época passada até ao final da primeira volta tivemos muitas dificuldades e no final da época, com os treinos e algumas melhorias em diferentes aspectos conseguimos ganhar jogos a equipas difíceis. Neste momento somos uma das equipas mais imprevisíveis do campeonato. No ano passado fomos capazes do melhor e do pior e este ano vamos tentar ser mais consistentes no que diz respeito às exibições e resultados tentando, assim, subir patamares no campeonato, disputar a taça como temos feito nas últimas épocas, ser o clube mais bem classificado do concelho e desenvolver e projectar o máximo possível cada jogador do plantel.”

 

Futebol de Formação

Horários de treino

Petizes: segunda-feira e quarta-feira, às 18h30

Traquinas: terça-feir

a e quinta-feira, às 18h30

Benjamins: terça-feira e quinta-feira, às 18h30

Infantis: terça-feira e quinta-feira, às 18h30

Iniciados: segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira, às 18h30

Juniores: segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira, às 18h30