Detenção de incendiário no concelho de Arganil

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, deteve um homem, divorciado, pela presumível prática de um crime de incêndio em anexo de uma habitação, ocorrido no passado dia 10 de Março.

O detido usou chama directa para atear o fogo e actuou num quadro de alcoolismo e vingança por se ter desentendido com o proprietário do local, tendo provocado elevados prejuízos.

O detido, de 44 anos de idade, foi presente às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas, tendo-lhe sido aplicada a medida de prisão preventiva.