Coimbra prepara intervenção de cerca de 8 milhões no rio Mondego

O município de Coimbra aprovou esta segunda-feira, 10 de Outubro, o projecto de execução da Estabilização da margem direita do Rio Mondego, entre a ponte de Santa Clara e o Açude Ponte, cuja intervenção ronda os oito milhões de euros.

Além de recuperar uma zona degradada, nalguns locais com os muros de suporte da margem em risco, a intervenção visa também criar um percurso pedonal circular, unindo as duas margens do rio através das suas pontes mais próximas do centro da cidade.

A proposta foi aprovada com os votos favoráveis dos vereadores do PS e do eleito da CDU e com a abstenção dos elementos da coligação Por Coimbra e do vereador do grupo dos independentes Cidadãos por Coimbra.