Ceira Travel une tradição e modernidade

Nasceu em 2015 mas já tem centenas de seguidores. A Ceira Travel é uma empresa de animação turística, especializada em passeios a pé e visitas guiadas por toda a região bairradina e gandaresa, mas que tem vindo a alargar a sua oferta a outras actividades e pontos do País.

Na origem da Ceira Travel está Inês Cristina dos Santos Pronto, uma jovem de 25 anos, natural de Pelichos (Arazede), mas com uma grande ligação à Tocha, que explicou ao AuriNegra como nasceu este projecto, que foi buscar o nome aos típicos cestos de verga utilizados normalmente em piqueniques.

“Cheguei a um ponto da minha vida em que precisava de arriscar. Aos poucos, fui percebendo que o meu caminho passaria pela organização de eventos e actividades e por explorar aquilo que de melhor tem o nosso País, especialmente a Região Centro, valorizando os seus produtos, tradições, cheiros, sabores e a as suas gentes”, começa por esclarecer.

Licenciada em Turismo, pela Escola Superior de Educação de Coimbra, Inês Pronto conta-nos que há vários anos que ‘magicava’ num projecto próprio: “Quando estudava em Coimbra já me tinha surgido a ideia de criar algo relacionado com eventos, mas julgo que nem eu mesma dei credibilidade a essa ideia”, refere, acrescentando que, ainda assim, nunca se imaginou “num posto de turismo ou num museu, atrás de um balcão”.

Quando chegou ao último ano do curso, Inês Pronto foi realizar o estágio curricular para a Expofacic. “Nessa altura ia completamente às escuras, mas acabou por correr muito bem”, diz-nos. Com o apoio de Casas de Melo, da Câmara Municipal de Cantanhede, por quem diz “ter uma gigante admiração”, a jovem conheceu “todos os cantos da Expofacic. Foi uma primeira experiência espectacular, porque pude realmente perceber como tudo é feito ao pormenor, o verdadeiro trabalho que dá”. Depois do estágio curricular, Inês Pronto refere que não se conseguiu desligar nem do evento nem da equipa: “Senti-me tão parte daquilo que não consegui afastar-me e ofereci-me para continuar no apoio à produção da feira. Já vou na minha 5.ª edição de Expofacic”, refere, orgulhosa.

No resto do ano, continuava a trabalhar em restaurantes e quintas de casamentos, como faz desde os 16 anos, para pagar, entre outras coisas, as propinas da pós-graduação em Imagem Protocolo e Organização de Eventos, no ISLA.

Nessa fase, é dada a Inês Pronto outra oportunidade inesquecível. “Uma das pessoas que estava a frequentar a pós-graduação era a Susana Narciso, que trabalhava na SIC. De alguma forma, ela viu algo em mim e, mais tarde, quando até já tínhamos terminado o curso, recebi uma chamada para participar na parte do protocolo dos Globos de Ouro”. Desde então, todos os anos a jovem trabalha na gala que premeia os melhores da televisão portuguesa, na recepção dos convidados.

Embora tenha sempre estes dois eventos na sua agenda de trabalho, Inês Pronto começou a perceber que precisava de mais. “Continuava a precisar de algo que me desse independência financeira e foi aí que comecei a pensar na Ceira Travel. Contactei o Turismo do Centro mas ainda não estava certa do que ia fazer. Só sabia que seria aqui na região. Depois disso, ainda tentei recorrer ao Proder, mas o projecto não se enquadrava e fui deixando a ideia adormecida”, refere.

Durante um ano ainda esteve a trabalhar no Marialva Park Hotel, em Cantanhede, mas no final de 2014 arregaçou novamente as mangas e voltou à carga. “Quando saí do Hotel, passei a dedicar-me a 100% ao projecto. Desenvolvi um plano, comecei à procura de parcerias, tratei dos seguros, das licenças, etc…”.

Alguns meses depois, a Ceira Travel ganhava finalmente vida através de um site (ceiratravel.com), onde Inês Pronto apresentava alguns programas mais tradicionais, como os workshops para aprender a fazer pastéis de Tentúgal e ovos-moles, as visitas ao Castelo de Montemor, às salinas, às caves de vinho, à Universidade de Coimbra, entre outros locais.

Depois disso foram surgindo ainda mais ideias e parcerias, como as aulas de surf e os piqueniques na praia.

“O meu trabalho passa pelos contactos com os parceiros e pela organização de cada iniciativa. Eu trato de tudo e faço questão de participar e estar presente em tudo o que organizo. A ideia é as pessoas chegarem e estar tudo pronto. Desde os percursos que vão seguir, os locais a visitar, os pratos que vão comer”, assevera, destacando que “tudo é pensado ao pormenor, mantendo-me fiel à tradição regional”.

 

Nos últimos meses Inês Pronto organizou vários tours, entre os quais à Serra da Lousã, ao Carnaval de Ovar, à Serra da Estrela, aos Passadiços do Paiva. Em Março estreou-se, pela Ceira Travel, na organização de eventos, com o jantar do Dia da Mulher.

“As pessoas têm aderido muito bem às experiências e aos tours, principalmente aos que acontecem fora de portas. Vejo cada vez mais caras novas, de várias idades, da região e não só. Temos actividades para todos os gostos e bolsos. E podem ser feitas em grupo mas também a solo ou em duplas”, refere.

Para um futuro breve, um dos principais objectivos desta jovem empreendedora passa por organizar subidas de balão de ar quente, em Montemor-o-Velho. Com a chegada da Primavera, Inês Pronto pretende também dar abertura à época dos piqueniques, que terá um padrinho especial: “O Fernando Alvim aceitou unir-se à Ceira Travel e será ele o embaixador dos piqueniques”.

“A Ceira Travel é, sem dúvida alguma, a minha bebé. Tornou-se uma paixão e, ao mesmo tempo que muitas vezes me tira o sono, também me faz sonhar e dá-me motivação. Quero fazer disto a minha vida”, conclui, com um sorriso rasgado.