Cantanhede: um concelho onde se come bem

Leitão, caracóis, favas, tremoços, negalhos… Se não sabe onde encontrar estas iguarias a resposta é simples: Cantanhede.

O concelho onde a Bairrada se encontra com a Gândara é rico e diversificado no que diz respeito à gastronomia e isso é comprovado pela quantidade de eventos onde se faz jus a esta tão importante forma de cultura. De Março a Novembro são 21 os eventos gastronómicos que se realizam pelas várias freguesias do concelho e que prometem agradar aos estômagos não só dos cantanhedenses mas também dos visitantes.

Para “abrir o apetite”, a Câmara Municipal de Cantanhede realizou, no dia 9 de Março, uma iniciativa onde, para além de dar a conhecer, à comunicação social e aos responsáveis das associações concelhias, cada um destes eventos, deu também a degustar vários petiscos tradicionais e de fazer água na boca.

Luís Lavrador, Pedro Machado e João Moura

Para a apresentação dos Eventos Gastronómicos do Concelho, João Moura contou com a presença do Chefe Luís Lavrador, professor da Escola de Turismo de Coimbra e um fã da gastronomia gandaresa, ou não fosse ele natural do Seixo, freguesia do concelho vizinho de Mira.

Citando Eça de Queirós, o chefe referiu que é “hora de abrir as caçarolas” e levar a gastronomia tradicional para os restaurantes.“Urge fazer com que a gastronomia regional possa estar no mesmo patamar que os outros níveis de cultura, como a literatura, o cinema, etc,…”, frisou.

Assumindo-se como um gandarês de gema, Luís Lavrador partilhou que ainda há um longo trabalho a fazer na divulgação do património – gastronómico e não só – da Gândara, “que é de uma riqueza extraordinária”.

Também presente, Pedro Machado, presidente da Turismo do Centro, elogiou a iniciativa do município de Cantanhede: “Pela capacidade de organizar estes eventos, que atraem pessoas à região e que fazem com que elas voltem”.

Sobre a gastronomia bairradina e gandaresa, com os seus sabores e tradições, o dirigente da entidade regional destacou a sua autenticidade: “Sendo esse carácter autêntico e singular a grande marca deste território”.

21 eventos para “dar ao dente”

A apresentação de cada um dos eventos foi da responsabilidade do Vereador da Cultura da CMC, Pedro Cardoso, que se referiu aos mesmos como “um património que faz crescer água na boca” e a “melhor forma de se conhecer a cultura de uma região e de um povo”.

Já durante a sua intervenção, João Moura frisou que a iniciativa pretendeu, acima de tudo, “apresentar uma sumula daquilo que tem sido a actividade do concelho, ao nível gastronómico, nos últimos anos”.

“Cantanhede é um concelho onde, sem qualquer sombra de dúvida, se come muito bem”, frisou ainda o autarca, antes de convidar os presentes a dirigirem-se aos claustros para degustar os vários pratos que serão servidos nos 21 eventos, sempre regados com os vinhos da Adega Cooperativa de Cantanhede.

Lista dos eventos

  • Caça Sabores – 11 de Março

Local: Cantanhede

Organização: Bombeiros Voluntários de Cantanhede

 

  • Feira do Bolo de Ançã – 26 de Março

Local: Ançã

Organização: Avanca – Associação para o Desenvolvimento e Promoção Rural da Qualidade de Vida do Meio Rural de Ançã

 

  • Encontro Regional de Gaiteiros e Mostra Gastronómica – 30 de Abril

Local: Vale da Naia, Pena

Organização: Centro Cultural e Recreativo da Pena

 

  • Festival Caldos, Caldinhos e outras Sopas – 6 de Maio

Local: Tocha

Organização: Agrupamento de Escuteiros 9096

 

  • Festival das Favas – 12 a 14 de Maio

Local: Ourentã

Organização: Rancho Folclórico “Os Bairradinos”

 

  • Feira do Tremoço – 26 a 28 de Maio

Local: Olhos da Fervença

Organização: Junta de Freguesia de Cadima

 

  • Feira do Vinho e da Gastronomia – 2 a 4 de Junho

Local: Largo do Mercado, Cordinhã

Organização: Comissão Organizadora e Junta de Freguesia de Cordinhã

 

  • Mostra Gastronómica do Caracol – 9 a 11 de Junho

Local: Póvoa da Lomba

Organização: Sporting Clube Povoense

 

  • Sopas e Lavores – 10 de Junho

Local: Febres

Organização: Agrupamento de Escuteiros 1192

 

  • Festival das Sopas e do Bolo Mulato – 16 a 18 de Junho

Local: Pocariça

Organização: Associação Musical da Pocariça

 

  • Tapas e Papas – 29 de Junho a 2 de Julho

Local: Cantanhede

Organização: União das Freguesias de Cantanhede e Pocariça

 

  • Folk Cantanhede – 8 a 15 de Julho

Local: concelho de Cantanhede

Organização: Grupo Folclórico “O Cancioneiro de Cantanhede”

 

  • Mostra de São Caetano – 9 de Julho

Organização

 

  • Expofacic – 27 de Junho a 6 de Agosto

Local: Cantanhede

Organização: Câmara Municipal e Inova

 

  • Festival do Leitão – 12 a 15 de Agosto

Local: Pavilhão Gimnodesportivo de Covões

Organização: Prodeco

 

  • Feira do Mel – 18 a 20 de Agosto

Local: Largo de S. João, Praia da Tocha

Organização: Município de Cantanhede e apicultores do concelho

 

  • Festival da Sardinha na Telha e da Batata Assada na Areia

Local: Praia da Tocha

Organização: Associação dos Moradores da Praia da Tocha

 

  • Sopas e Pedras – 1 a 3 de Setembro

Local: Outil e Portunhos

Organização: União das Freguesias de Portunhos e Outil e associações locais

 

  • Pica no Chão (Mostra Gastronómica de Frango) – 1 a 3 de Setembro

Local: Febres

Organização: Junta de Freguesia de Febres

 

  • Feira do Pão e da Broa – 8 a 10 de Setembro

Local: Franciscas

Organização: Associação do Grupo Musical das Franciscas

 

  • Festival no Negalho – 27 e 28 de Outubro

Local: Enxofães (Murtede)

Organização: Associação Cultural e Recreativa de Enxofães (ACRE)

 

  • Festival do Sarrabulho – 24 a 26 de Novembro

Local: Murtede

Organização: Centro Desportivo e Cultural de Murtede