Canil Municipal de Cantanhede está a ser ampliado e requalificado

O Canil Municipal de Cantanhede está nesta altura a ser objecto de obras de ampliação e requalificação das suas instalações, no sentido de as dotar de dimensão e condições adequadas para alojar os animais recolhidos pelos serviços.

Construído há alguns anos no perímetro da Zona Industrial de Cantanhede, junto à antiga ETAR entretanto desactivada, o equipamento encontrava-se subdimensionado para dar resposta à evolução do número de capturas regulares, situação que justifica o investimento de 28 mil euros na valorização das condições logísticas e de salubridade, respeitando as exigências da legislação em vigor em matéria de higienização, funcionalidade e adequada acomodação dos animais.

A empreitada que está a ser executada contempla a construção de um novo edifício justaposto ao inicial, ficando os dois módulos funcionalmente articulados numa área total de 340 m2.

A ampliação incide na criação de uma área para gatil, uma zona de frio, gabinete para os funcionários, vestiário e sanitários, havendo onze celas para albergar cães, com dimensões de 1,50 m x 4,00 m, uma das quais equipada para as operações de higienização.

Completam as instalações o gabinete para o médico veterinário, com casa de banho de apoio, duas celas de quarentena, com os requisitos pretendidos do ponto de vista da eficácia e segurança, bem como uma área reservada a armazém de rações, material limpo, equipamento de captura e produtos de limpeza e desinfecção, estes últimos com uma área específica para acondicionamento em local fechado e seco.

Toda a área de implantação do canil municipal fica delimitada com vedação metálica com 2,20 m de altura e, no que concerne aos aspectos técnicos que visam o cumprimento das normas de segurança contra riscos de incêndio, o terreno é servido por uma via que permite o fácil acesso a viaturas de bombeiros.