Câmara Municipal de Cantanhede homenageou agentes desportivos do concelho

A Câmara Municipal de Cantanhede prestou homenagem aos agentes desportivos do concelho, no âmbito da Festa do Desporto realizada no Salão Paroquial de S. Pedro, no sábado passado, dia 26 de Novembro.

 

A iniciativa registou a participação de mais 200 pessoas, que tiveram como anfitrião o líder da autarquia, João Moura, acompanhado da vice-presidente, Helena Teodósio, do presidente da Assembleia Municipal, José Maia Gomes, e dos vereadores Pedro Cardoso, Júlio Oliveira, Célia Simões e Carlos Ordens.

O encontro dos representantes associativos com o executivo camarário teve como objectivo distinguir aqueles que de algum modo se evidenciaram na prática desportiva, no desempenho de funções técnicas ou ainda no exercício de tarefas diretivas de gestão das coletividades.

A sessão abriu com a actuação do Coro Juvenil de Cantanhede – CANTEMUS. Seguiu-se a entrega de diplomas de reconhecimento a todas as associações, “para assinalar publicamente a relevância do trabalho que desenvolvem na dinamização de uma actividade estruturante para a elevação dos padrões de qualidade de vida da população”, conforme sublinhou o presidente da Câmara Municipal na sua intervenção.

Depois, foi a vez da homenagem às pessoas que os próprios clubes indicaram para receberem o galardão de mérito desportivo, designadamente um atleta ou uma antiga glória, um dirigente ou ex-dirigente, um treinador/técnico ou uma equipa que mereciam ser galardoados este ano. “Uma tarefa que terá sido seguramente bastante difícil, pois há em todas as entidades desportivas do concelho muita gente com relevantes serviços prestados à causa do desporto”, afirmou a propósito João Moura.

Segundo o autarca, o Município de Cantanhede reconhece a função social do desporto e tem actuado no sentido de cumprir com as suas competências e responsabilidades neste domínio, “partindo da constatação iniludível de que existe no concelho um movimento associativo dinâmico e fortemente mobilizado. O seu papel é crucial, a ele se deve a assinalável expressão que a actividade desportiva tem hoje no concelho em várias frentes, da formação ao desporto de rendimento e de competição, passando pela actividade física de manutenção para públicos-alvo de diferentes gerações”.

Neste contexto, a Câmara Municipal tem no Plano Estratégico de Desenvolvimento Desportivo um quadro de referência para o desenvolvimento das acções tendentes a assegurar a democratização efectiva da prática desportiva. Para João Moura “é esse desígnio que justifica o apoio e a aposta que a autarquia tem feito na construção e manutenção de uma rede de recintos desportivos distribuídos de forma geograficamente equilibrada pelo concelho, quer através de empreitadas financiadas pela Câmara Municipal, quer apoiando financeiramente entidades que demonstram ter capacidade para concretizar projetos dessa natureza.

Por outro lado, para que o trabalho de formação possa ser convenientemente aproveitado e canalizado para o desporto de rendimento e de competição, “investiu-se em infraestruturas desportivas de grande dimensão, como as Piscinas Municipais de Cantanhede, os parques desportivos de Cantanhede, Tocha, Febres e Ançã”. Entretanto será brevemente inaugurada outra grande infraestrutura de grande qualidade, designadamente o Pavilhão Multiusos de Febres”, adiantou o líder do executivo camarário cantanhedense, que manifestou “total disponibilidade da Câmara Municipal para continuar a apoiar financeiramente as associações e para prosseguir com investimentos no reforço da rede de equipamentos desportivos, em alguns casos com a adjudicação de obras e noutros através de comparticipação financeira”.