Câmara Municipal de Anadia inaugurou parque das estórias

Foi com toda a pompa e circunstância que a Câmara Municipal de Anadia inaugurou, no passado dia 2 de Dezembro, o Parque das Estórias, localizado na zona envolvente da Biblioteca Municipal. Para além dos inúmeros convidados, o momento contou também a presença de vários figurantes de contos infantis, que alegraram, dessa forma, a cerimónia.

O Parque das Estórias é uma obra que está englobada num projecto mais vasto de requalificação urbana daquela área da cidade de Anadia, e cujo custo ascendeu a cerca de 338 mil euros, suportado na íntegra pelo Município. A obra contemplou a construção de um parque verde público, a implantação de um parque infantil, e a aplicação, na encosta, de um edifício miradouro. Foram igualmente previstos a beneficiação da rede viária existente, o aumento da área para parqueamento automóvel, a melhoria das condições de acessibilidade, com redução de barreiras arquitetónicas, a aplicação de mobiliário urbano adequado e funcional, e, ainda, a implantação de rede de iluminação pública em tecnologia de LED.

A intervenção visou a requalificação uma área pública indispensável ao funcionamento da Biblioteca Municipal, bem como a criação de mais um espaço destinado a proporcionar qualidade de vida urbana na cidade de Anadia. A presidente da Câmara Municipal, Maria Teresa Cardoso, sublinhou que se trata de uma obra “concebida e executada a pensar no bem-estar de todos quantos usufruem deste espaço, mas também na qualidade do serviço que prestamos”.

A autarca adiantou que a obra “não ficará por aqui”, explicando que “decidimos batizar o espaço que acabámos de visitar, como Parque das Estórias”, porque “ali irão nascer fragmentos de «estórias», nomeadamente personagens do imaginário infantil, em tamanho ligeiramente acima do real, que vão ser implantadas no espaço, e com as quais as crianças, e não só, poderão interagir e estimular a sua criatividade”. Referiu-se ainda ao miradouro, dizendo que “será transformado num mural de pensamentos sobre a vida, sobre a literatura e sobre a importância da educação”. Maria Teresa Cardoso deixou um apelo aos futuros utilizadores do parque “para que o saibam preservar, utilizando-o com civismo”.

Portal da Rede de Bibliotecas de Anadia

O momento foi ainda aproveitado pelo executivo camarário para fazer a apresentação pública do novo Portal da Rede de Bibliotecas de Anadia (RBA) e, simultaneamente celebrar o Acordo de Entendimento para a Promoção do Desenvolvimento da RBA.

A rede nasceu em 2007 com o Agrupamento de Escolas de Anadia (AEA) e, ao longo destes anos, foi-se expandindo, sendo atualmente constituída por nove parceiros: AEA, Biblioteca Municipal de Anadia, Salesianos de Mogofores, Colégio Nossa Senhora da Assunção, Escola Profissional de Anadia, O Académico de Avelãs de Cima, Junta de Freguesia de Sangalhos, Museu do Vinho Bairrada, e Santa Casa da Misericórdia de Anadia, num total de 14 bibliotecas.

A presidente da Câmara Municipal destacou que o objetivo deste trabalho “é tornar público e acessível, através da internet, todos os recursos informativos e documentais existentes no concelho de Anadia”, tendo sublinhado que “apesar de fisicamente alocadas em diferentes espaços, o princípio norteador do nosso trabalho é a constituição de uma biblioteca virtual única, que espelhe toda a riqueza bibliográfica do concelho de Anadia”.

Maria Teresa Cardoso salientou que a RBA “está disponível para acolher todas as entidades que, sendo detentoras de espólios documentais, queiram integrar este projeto, cujo acordo de entendimento foi hoje aqui celebrado”. A edil anadiense frisou que o portal “pretende não só tornar visível este trabalho que tem sido desenvolvido, mas também congregar num único espaço virtual as ações mais relevantes a acontecer em cada um dos parceiros desta rede”. Avançou ainda que as ações do Município de Anadia no âmbito da promoção do livro e da leitura vão prosseguir, anunciando que, dentro de pouco tempo, entrará em funcionamento uma viatura que permitirá a prestação, em itinerância, de diversos serviços à população, entre os quais levar o da biblioteca.

O evento terminou com a actuação musical protagonizada por vários alunos de escolas do concelho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *