Bombeiros de Cantanhede receberam 25 capacetes britânicos

O corpo de bombeiros de Cantanhede foi um dos 15 do distrito de Coimbra contemplados com os capacetes usados doados pelo serviço nacional de bombeiros britânico à Associação dos Amigos dos Bombeiros Voluntários de Coimbra (AABVC).

Os Bombeiros Voluntários de Cantanhede receberam 25 capacetes que vão agora ser alvo de manutenção e pintados, de modo a serem tornados aptos para o serviço.

“Os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) continuam a ser uma das maiores necessidades do nosso corpo de bombeiros, pelo investimento que representam. A Associação já adquiriu alguns, mas o seu elevado preço, cerca de 400 euros cada, faz com que seja incomportável adquirir os capacetes necessários para equipar todos os bombeiros”, explica José Oliveira, comandante dos Bombeiros Voluntários de Cantanhede.

A intervenção de que os capacetes vão agora ser alvo custará, no total, “o valor de um único capacete”, acrescenta o comandante José Oliveira, sublinhando a grande mais valia que este donativo representa para o corpo de bombeiros de Cantanhede.

A doação dos capacetes deveu-se ao apelo emitido pela AABVC à Embaixada do Reino Unido em Portugal. Esta, com a colaboração do serviço nacional de bombeiros britânico reuniu um total de 415 capacetes que no último sábado, 6 de abril, foram distribuídos pelos bombeiros de Brasfemes, Cantanhede, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lagares da Beira, Lousã, Mira, Miranda do Corvo, Oliveira do Hospital, Penela, Poiares, Serpins, Soure e Tábua.