Biblioteca Municipal de Cantanhede acolhe acção de Formação de Formadores “Corpo-Mapa-Livro”

Cerca de 20 participantes estiveram presentes na acção de Formação de Formadores “Corpo-Mapa-Livro”, que decorreu no passado dia 23 de Fevereiro na Biblioteca Municipal de Cantanhede.

A iniciativa contou com a coordenação de Nabais e Joana Pupo e surge no âmbito do espectáculo homónimo, que se centra essencialmente no tema “Livro”. Sob uma perspectiva artística, este projecto explora novas formas de descobrir o Livro através de técnicas de teatro, dança e performance, integrando-o na própria composição coreográfica.

No seguimento da acção de Formação de Formadores, foi apresentado no dia seguinte, sábado, 24 de Fevereiro, um espectáculo sobre a mesma temática “Corpo-Mapa-Livro”, em que as autoras começam por desarrumar a Biblioteca, proporcionando aos leitores uma experiência em que o Livro é visto enquanto objecto específico e como indutor de experiências transformadoras do CORPO, propondo-se uma multiplicação de vivências plásticas, que nos levam numa viagem onde se revelam MAPAS.

Com esta apresentação pretendeu-se apresentar uma dimensão do livro, enquanto mapa, lugar da viagem corporal e uma dimensão do corpo, em que a inscrição é traduzível em livros.

Esta é uma peça para um público que já lê e que dá conta de si mesmo enquanto leitor dinâmico e em crescimento.

Sobre Marina Nabais

Marina Nabais nasceu em Luanda, viveu no Rio de Janeiro e em Amesterdão. Reside actualmente em Lisboa onde desenvolve o seu trabalho artístico e pedagógico. Mestre em Artes Performativas, fez o bacharelato no ramo de espectáculo e uma pós-graduação em Amesterdão. Em 2003 criou a menina dos seus olhos, associação cultural, e fez vários projectos de dança/teatro. Em 2008 começou o seu percurso como coreógrafa. Em 2013 nasce Marina Nabais Dança, associação cultural, onde começa a desenvolver o seu projeto artístico em nome próprio, com vários colaboradores de outras áreas artísticas e parcerias com diversas instituições. Como intérprete tem trabalhado nas áreas de dança, teatro e vídeo. Desenvolve, paralelamente, um trabalho pedagógico, de formação para profissionais e não profissionais na área da dança, abrangendo diferentes faixas etárias e públicos diversificados.

 

Sobre Joana Pupo

Joana Pupo é mestre em Teatro do Movimento, licenciada em Filosofia e formada em Teatro. Paralelamente, persegue uma formação em movimento, dança e improvisação vocal, desde 2003. Foi selecionada para a Nouvelle École des Maîtres ‘05 e colaborou com a École des Maîtres. É membro da SEE (SITI Extended Ensemble) e segue os treinos Suzuki e Viewpoints com a SITI Company (Nova Iorque), desde 2010.

Tem trabalhado em criação e investigação, com peças que exploram a relação entre o movimento, a interdisciplinaridade e a dramaturgia. Tem mostrado o seu trabalho em diversos teatros e outros espaços não convencionais.