APCC promoveu quarta edição do “Coimbra a Brincar”

A quarta edição do “Coimbra a Brincar” decorreu nos dias 27 e 28 de Maio e, apesar de o sol também ter resolvido brincar às escondidas e a chuva à apanhada, milhares de pessoas voltaram a responder afirmativamente ao desafio da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra (APCC) para redescobrir o prazer de brincar.

Com mais de cem actividades gratuitas, a cidade de Coimbra foi palco de muita diversão: de uma margem a outra do Parque Verde, da Escola Secundária D. Duarte ao Mosteiro de Santa-Clara-a-Velha, do Hospital Pediátrico ao Museu Machado de Castro, do Centro de Saúde Norton de Matos ao Exploratório e em vários outros locais, foram muitas as escolas, as instituições e as famílias que se deixaram conquistar pela alegria.

Este foi também o ano em que a ideia do brincar transgeracional foi mais forte, com vários grupos de seniores a percorrer – e a animar! – as muitas e distintas iniciativas. Do programa fizeram parte jogos tradicionais gigantes, experiências científicas, actividades desportivas, música e teatro, ateliês artísticos, desafios lúdicos, visitas pedagógicas, jogos matemáticos, oficinas de psicologia e muito mais.

Organizado com o propósito inicial de celebrar o Dia Internacional do Brincar (28 de Maio), o “Coimbra a Brincar” pretende difundir a mensagem de que o brincar é uma fonte de prazer, alegria e aprendizagem essencial ao desenvolvimento, assim como à saúde física e mental.