7.º BTT Rota de S. Tiago foi um sucesso

Cerca de 500 atletas disputaram, no passado domingo (5 de Março), na Pocariça, a VII Rota de S. Tiago, prova que teve Carlos Ramos como vencedor.

Três anos depois, Carlos Ramos (ACCM BTTEAM) voltou a ser o mais rápido a concluir o percurso e garantiu a vitória na maratona, com um tempo de 2h39, seguido de Jorge Santos (Barcouço Bike Team /TP Pascoal /111 Sport) vencedor da edição de 2015. Em terceiro lugar classificou-se Dário Marques Pereira (Casa do Povo de Abrunheira).

Na meia-maratona o mais rápido foi Sérgio Miguel Simões Ferreira (BTT TEAM ANAJÔ PISCINAS) com o tempo de aproximadamente 1h35, seguido de Ruben Nascimento (VILANOVENSE / DUOREP / JÚLIO SIMÕES) e ficando Fábio Alexandre Marques Ferreira (Casa do Povo de Abrunheira) na terceira posição.

Na meia-maratona feminina Flávia Maria Diogo Lopes (Vasconha Btt Vouzela) venceu com um tempo de aproximadamente 1h44, seguida de Ana Raquel Santos (TREPANELAS / ÓPTICA GÉMEOS). Na terceira posição ficou Lucia Silva (Korpo Activo BTT / U.D. Lorvanense).

A prova, organizada pela ADRCPA – Associação Desportiva Cultural e Recreativa de Pocariça e Arrôtas, foi composta por dois percursos, um de aproximadamente 70Km (Maratona) e outro de cerca de 45Km (Meia-Maratona), com desnível moderado e de dificuldade técnica média.

“Excelente para iniciar a época oficial dos atletas federados, e com o tónico extra ser de ser 1.ª prova pontuável da Taça Regional XCM do Centro”, refere a organização.

Num dia com alguma chuva, apesar de temperaturas muito aceitáveis para a época, os trilhos e caminhos estavam, apesar de tudo, um pouco encharcados e enlameados, no entanto bastante cicláveis para a prática do BTT.

“Durante toda a competição, os atletas demonstraram enorme brio, desportivismo e espírito de compromisso, completando na sua maioria os respetivos percursos”, acrescenta a organização.

A prova teve o seu início junto às Piscinas Municipais da cidade de Cantanhede e terminou no centro da localidade de Pocariça. Para o final ficou reservado um almoço na sede da Associação Musical da Pocariça, com o típico Leitão à Bairrada, sempre bem regado pelo delicioso vinho da região e onde os atletas puderam conviver e fomentar o espírito saudável de competição.

“Para além de um especial agradecimento à população da Pocariça, pela compreensão que tiveram perante os transtornos causados, também não podíamos deixar de apresentar uma palavra de apreço, estima e gratidão para os cerca de cem voluntários, entre eles amigos e residentes, que estiveram à altura da responsabilidade, revelando-se um auxílio precioso para o sucesso de um evento desta envergadura. Para eles a ADRCPA envia um “enorme agradecimento”, sem eles esta iniciativa não se realizaria”, refere a ADRCPA.

A prova contou com o apoio de diversos patrocinadores e entidades, com especial destaque para a Câmara Municipal de Cantanhede, União das Freguesias de Cantanhede e Pocariça e Associação Musical da Pocariça.